Pular para o conteúdo

Em um ano, pontos de entrega de latas de tinta vazias na Baixada Santista já são importante alternativa

Mais de 330 kg de embalagens de aço foram coletadas nesse período.

 

No dia 29 de junho do ano passado, foi inaugurado o primeiro ponto de entrega voluntária (PEV) de latas de tinta pós-consumo do Prolata na Baixada Santista. Passado um ano, muitos resultados podem ser comemorados.

A partir da instalação pioneira em uma loja do Baratão das Tintas em Santos, outros oito pontos foram abertos, proporcionando aos consumidores e pintores da região uma ótima alternativa para descartar corretamente as suas embalagens. Tanto é que, neste primeiro ano de funcionamento, já foram recolhidas muitas centenas de latas de tintas, cujo peso total superou 330 kg.

Além de Santos, hoje há PEVs em Guarujá, São Vicente e Itanhaém, estando programadas novas unidades nos demais municípios do litoral sul de São Paulo (Bertioga, Cubatão, Mongaguá, Peruíbe e Praia Grande) até o final de 2021.

Esses locais formam parte das ações conduzidas pelo Prolata na Região, a partir do Termo de Cooperação Ambiental firmado entre Abeaço, ABRAFATI, Artesp e o Grupo de Atuação Especial do Meio Ambiente (GAEMA), do Ministério Público de São Paulo. Representam, também, um importante avanço no trabalho voltado para o atendimento à Política Nacional de Resíduos Sólidos, com base no conceito de responsabilidade compartilhada estabelecido nessa legislação.

Aprovada a prorrogação da alíquota reduzida para importação de dióxido de titânio

Pleito apresentado pela ABRAFATI ao governo federal foi aceito, valendo para uma nova cota de 50 mil toneladas.

 

Uma medida positiva para a indústria de tintas tornou-se efetiva, contribuindo para aumentar a sua competitividade e mitigar os efeitos da pandemia: foi publicada no dia 24/06 no Diário Oficial da União a Resolução no 54/2020 da Câmara de Comércio Exterior do Ministério da Economia, que prorroga a LETEC (Lista de Exceções à Tarifa Externa Comum do Mercosul) para o dióxido de titânio (TiO2).

A alíquota de importação dessa matéria-prima essencial foi reduzida de 12% para 6%, como já ocorrido anteriormente, sendo válida para uma nova cota de 50 mil toneladas. A resolução entra em vigor no próximo dia 01/julho, sete dias após a sua publicação, com vigência até 31 de dezembro deste ano.

O pleito para essa desoneração foi levado ao governo federal pela ABRAFATI, que demonstrou que o TiO2 tem importância capital para a indústria de tintas, mas não conta com produção local em volume suficiente para atender à demanda.

 

A íntegra da Resolução no 54 pode ser acessada em http://www.in.gov.br/en/web/dou/-/resolucao-n-54-de-22-de-junho-de-2020-263252510

Abertas as inscrições para a edição 2020 do Prêmio ABRAFATI

Expectativa é receber um bom número de estudos relevantes e inovadores, relacionados a tintas. 

Foi lançada hoje a 21ª edição do Prêmio ABRAFATI de Ciência em Tintas, o principal em sua área no País. A data foi escolhida por ser o Dia do Químico, profissional que representa a maior parcela dos vencedores da premiação ao longo do tempo.

Desde agora, profissionais do setor de tintas, pesquisadores acadêmicos e estudantes de graduação e pós-graduação podem inscrever seus trabalhos para concorrer a esse importante reconhecimento, que agrega um valioso diferencial ao currículo de quem o recebe.

Além de ser inéditos e originais, os estudos devem contemplar temas relacionados a matérias-primas; desenvolvimento de produtos, processos ou equipamentos inovadores na fabricação e/ou aplicação de tintas; técnicas analíticas; qualidade; proteção do meio ambiente; ou utilização de subprodutos e resíduos.

A entrega dos trabalhos, assim como a sua inscrição, encerra-se em 29 de outubro. Na sequência, a Comissão Julgadora avaliará os trabalhos e definirá os três primeiros colocados, que receberão os valores de R$ 20.000,00 (1º lugar), R$ 10.000,00 (2º lugar) e R$ 5.000,00 (3º lugar). O prêmio será entregue aos ganhadores no início de dezembro.

 

Para mais informações e para ter acesso ao regulamento completo, acesse: https://abrafati.com.br/premio-abrafati-de-ciencia-em-tintas/

Covid-19: ABRAFATI disponibiliza guia de sugestões e boas práticas para indústrias de tintas

Material preparado em conjunto com o Sitivesp serve como apoio aos fabricantes, diante dos desafios trazidos pela pandemia.

 

Lançado no início de junho, o Guia de Sugestões para a Manutenção e Retomada das Atividades nas Indústrias de Tintas durante e após a Quarentena foi elaborado com o objetivo de compartilhar boas práticas com as empresas do setor, fornecendo informações úteis para que desenvolvam suas operações com segurança no momento atual, marcado pela pandemia de Covid-19.

A ideia de produzir uma publicação para os fabricantes surgiu a partir da percepção de que a pandemia e os cuidados necessários para evitar a sua disseminação representam um enorme desafio para as empresas e continuarão a ser uma preocupação real quando ocorrer o pleno retorno das atividades em todos os setores da economia.

Elaborado conjuntamente pela ABRAFATI e pelo Sitivesp, o guia traz informações de forma concisa e em linguagem simples, organizadas em oito tópicos:

  1. Medidas gerais de prevenção
  2. Cuidados com a equipe operacional
  3. Cuidados com a equipe administrativa
  4. Cuidados com o ambiente de trabalho operacional
  5. Cuidados com o ambiente de trabalho nas áreas administrativas e com áreas comuns
  6. Cuidados no recebimento de insumos e materiais
  7. Cuidados na expedição e distribuição de produtos
  8. Práticas referentes ao SESMT e à CIPA.

Para ampliar seu alcance, beneficiando o mercado como um todo, o material está disponível para consulta e download no site da ABRAFATI, em https://bit.ly/3eXvTE8

.